O projeto Aquamundam avalia o Ciclo de Água de Viana do Castelo

A comunidade Intermunicipal do Alto Minho promoveu o estudo no contexto do projeto Aquamundam, financiado pelo programa INTERREG V-A Espanha-Portugal.

O diagnóstico avalia aspetos como a operação e qualidade do serviço, uso das infraestruturas e a relação entre estas e o meio ambiente.

O projeto Aquamundam avaliou, nas últimas semanas, os serviços ubanos de água no município de Viana do Castelo, pertencente à Comunidade Intermunicipal do Alto Minho, a partir dos dados recolhidos nos anos de 2015; 2016 e 2017.

Em conjunto, foi possível avaliar um total de 30 indicadores para os serviços de abastecimento e saneamento com base na informação disponível. Os resultados mostram que, em termos gerais, os níveis de qualidade do serviço no Município, são bons. Não obstante, também indicam possíveis pontos de melhoria, entre os quais destacamos:

– A adesão dos utilizadores aos serviços de abastecimento e saneamento;

– A cobertura dos gastos do sistema de saneamento, associada, em parte, aos custos do tratamento de infiltrações na rede de drenagem.